sábado, 28 de dezembro de 2013

O CAÇADOR E A FLECHA

Contos e Encantos traz hoje uma conversa imaginária.
Depois de um dia de caçada mal sucedida,o caçador para  na sombra de  uma árvore para relaxar um pouco,falou consigo mesmo,hoje errei demais o alvo e perdi muitas caças,e segurando a flecha comenta,vou me desfazer de você já não é a mesma de antes e não tem mais a mesma precisão,e a flecha falou,você tem razão, nossa parceria já não faz o sucesso de antes,admito que de tantas vezes que fui envergada já não tenho a mesma resposta.Mas lhe peço que não me quebre me deixe em algum lugar,quem sabe algum caçador evoluído me encontre,você já não tem o mesmo cuidado de antes,na aproximação das caças,na leveza do andar,e até fica a favor do vento deixando que elas sintam você,sabe fico nervosa com sua impaciência,você não tem nenhum plano alternativo,e os animais evoluíram,tem uns que até fingem que estão mortos para poder sobreviver,mas é apenas uma observação,você é um grande caçador.
O caçador pegou a flecha com carinho e disse,quero lhe agradecer por tudo,principalmente pelo que me ensinou agora,vou rever meus conceitos,e junto a você voltaremos a ser vencedores.pegou a flecha e foi para a caçada.


Ass.  Maninho.

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

A VACA FOI PRO BREJO

Contos e encantos traz uma historia simplificada.
A vaca foi pro brejo,para muitos significa o fim,para outros em grande começo.Conta a lenda que um monge e seu discípulo em um fim de tarde chegaram a uma simples e pediram abrigo,dentro das possibilidades o dono da casa lhe ofereceu o melhor,Depois do jantar começaram a conversar e o monge perguntou como eles viviam,o homem disse,não temos quase nada,temos esse terreno e uma vaquinha que  com o leite que tiramos ajuda na nossa alimentação.Depois de outras conversas foram dormir,pela a madrugada o monge chamou seu discípulo e disse,vamos embora,e pegue a vaquinha ela vai com a gente,o discípulo ficou surpreso,e comentou,mas porque roubar a vaca se eles nos deram toda atenção,o monge disse,não discuta,pegue a vaca.
Levaram a vaca e ao chegar em um precipício o monge jogou vaca para baixo,que la morreu,ao amanhecer o dia o lavrador viu que o monge havia ido embora e tinha levado a vaca,ficou bastante aborrecido e chamou os filhos para irem procurar a vaca,e nessa procura chegaram a uma parte alta do terreno,e ao olharem a planície o homem teve uma grande ideia e comentou,vejam quanta terra nós temos sem ser explorada,vamos trabalhar que ela será produtiva´.
Alguns anos passaram e o monge e o discípulo retornaram,e ao chegarem ao local  ficaram  com a admirados com a estrutura que encontraram,uma linda fazenda,muitos animais no pátio,boas acomodações, eles pediram abrigo e foram bem recebidos,alimentos diversificados e tudo de primeira qualidade.
O monge perguntou por uma casa que tinha nas proximidades,e o homem respondeu,é aqui mesmo,há muito  tempo dei abrigo a um monge,e levou a única vaquinha que a gente tinha,e ao procurar a vaca,descobrimos que tinha muita terra para explorar,e graças aquele monge,hoje  estamos muito bem .
Então se a vaca for pro brejo,procure com cuidado,poderá encontrar a solução de muitos problemas.

Ass.  Maninho.

quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

A CAVEIRA

Contos e Encantos,destaca o quesito confiança.
A confiança é fundamental em qualquer seguimento seja pessoal ou profissional,no entanto teremos que termos muita cautela ao creditar nossa confiança,porque também corremos grande risco de ficarmos desacreditados.Quando contamos um segredo,ou quando fazemos um comentário,devemos ter controle nas palavras,e não falar se não podermos garantir provas.
Existe uma lenda sobre um caçador,diz o seguinte,um homem estava caçando em uma grande floresta,e certo momento parou debaixo de uma árvore para descansar um pouco,tirou o cantil,bebeu água e e olhando ao lado viu uma caveira,a princípio levou um susto e já refeito,sorrindo bateu com a coronha do rifle na caveira e perguntou,caveira quem te matou,e ela respondeu a língua,o homem saiu assustado e ao chegar em seu povoado comentou com todo mundo o ocorrido.
Logo a notícia chegou até o rei,que imediatamente mandou chamar o homem e ordenou que ele e três guardas levassem a caveira até sua presença.Quando chegaram com a caveira o rei disse,pergunte a caveira quem a matou,tem três oportunidades,se ela não responder você morrerá para nunca mais inventar histórias.
Diante da situação o homem perguntou, e a caveira, calada,o homem apavorado perguntou pela segunda vez,e nada,o homem tremendo e chorando se ajoelhou próximo a caveira e perguntou pela terceira e ultima vez,caveira quem te matou,e ela respondeu,a língua,assim como ia matando você também.
As palavras são poderosas.

terça-feira, 24 de dezembro de 2013

A COLHEITA

Contos e Encantos,destaca a colheita.
A frase,quem planta colhe,é muito conhecida em vários países,sendo que poucas pessoas ainda não observaram,o que significa a colheita em si.Plante um grão de arroz e cuide bem até o dia de colher e veja quantos grãos você colhera.Esse é o grande segredo,devido a multiplicação dos grãos,teremos que nos preocupar e muito, com o que plantamos.Plante sementes de boa qualidade,para que possam germinar,diversifique,plante amor,respeito,solidariedade,carinho,integridade,sorriso,abraços,humildade,não esqueça de tirar as ervas daninhas,orgulho,maldade,preconceito,censura,e muitas outras que tentaram se infiltrar em seu plantio,fique atento as pragas,não deixe que elas destruam sua plantação e comprometam sua colheita
As vezes a colheita demora,seja paciente,ela virá.

Ass.  Maninho.

  



NATAL

Contos e Encantos,juntamente com todos vocês celebra o natal,não o natal dos presente,e sim o natal do amor,da esperança,do humanismo,da solidariedade,e tantos outros sentimentos,celebramos o natal universal,indiferente de idiomas,ou raças,que possamos entender  com mais proximidade, que é o natal.
FELIZ,FELIZ,FELIZ NATAL.

Ass.  Maninho.

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

VENÇA SEU MEDO

Contos e Encantos traz até você um tema medroso.
Vença seu medo,seja ele de qualquer tipo ou tamanho,não importa você é capaz de vencê-lo,sabe aquele medo da entrevista,do primeiro encontro,do vestibular,da demissão, do resultado do exame médico,da preocupação se correspondeu,se vai corresponder,se é suficientemente capaz,enfim,qualquer que seja a situação,e o tipo de medo nós temas as armas para enfrentar e vencer.
Se prepare,identifique o problema,se antecipe,ao invés de ficar suando e tremendo,procure descobrir sua força,ele existe,e nós não conhecemos nosso poder de superação,porque não nos conhecemos.
As vezes tememos até o imaginário,quando normal seria imaginarmos nossa vitória,mas quando nos preparamos e elaboramos um plano preventivo,em relação ao tipo de problema que enfrentaremos,e agindo de forma concentradora,acreditando no força que temos quando estamos preparados,tenham certeza,o medo se esconde.

Ass.  Maninho

FALTA DE CONHECIMENTO

Contos e Encantos,fala hoje de conhecimento.
Nos tempos modernos de hoje,mesmo ainda existindo dificuldades de um amplo conhecimento em todas as classes sociais,mesmo assim em relação a tempos atrás hoje estamos em um avanço gigantesco.Hoje a oportunidade de conhecimento nos deixam envergonhados pelas práticas em um passado não muito distante,me reporto a escravatura.Quando criança ouvia os mais idosos falarem  que ninguém poderia se alimentar com leite se tivesse comido manga,porque morreriam,e por muito tempo me perguntava porque dois tipos de alimentos tão comuns poderiam  fazer tanto mal,e dentro de algumas pesquisas encontrei a resposta,que se tratava de atitude  inaceitável,praticada pelos senhores de escravos.Eles não queriam que os escravos dessem muitas despesas,e fizeram a opção que os mesmos se alimentassem com um dos dois alimentos,porque os dois causariam a morte.Devido a esse comentário ainda hoje existem pessoas que acreditam que isso seja verdade.
Para os historiadores,isso não é nenhuma novidade,mas para os que não tiverem esse conhecimento,ficaram sabendo o real motivo sobre o comentário referente aos  dois alimentos
A falta de conhecimento,sempre trará um grande desconforto a humanidade. 

Ass.  Maninho. 

domingo, 22 de dezembro de 2013

O SAPO

Contos e Encantos,traz uma mensagem para os vencedores.
Certa vez,em um enorme lago começou um desentendimento,porque todos os sapos queriam dominar o lago,e diante do problema um sapo ancião teve uma ideia para  acabar o conflito sem deixar questionamento.Reuniu  todos e anunciou uma disputa,o primeiro sapo ao chegar ao topo do monte,seria o rei do lago.
Todos iniciaram a corrida para a glória,e na proporção que alguns  avançavam a torcida contrária gritava que eles não iam conseguir,e  alguns caiam e desistiam,um sapo que não tinha nenhuma aparência atlética,vendo todos correrem para o topo do monte,entrou na brincadeira,e aos gritos que ele não ia conseguir,ele chegou a vitória .Simplesmente ele era surdo e não ouvia o negativismo da torcida contr´ria.
Se alguém tentar lhe desencorajar,fique surdo por algum momento.

Ass.  Maninho

BRILHE O ANO TODO

Contos e Encantos,hoje sugeri um brilho diferente.
No percurso casa,trabalho,casa,tenho observado muitas luzes na cidade,são árvores,faixadas de prédio e residências,com um colorido especial,decorações multicoloridas que com certeza mantém a tradição do natal de luzes e cores sem distinção,as vezes até parece que as pequenas lâmpadas coloridas brilham mais,porque tem pouco tempo para brilhar,porque em Janeiro estarão apagadas,devido o tempo curto de um mês de apresentação.
Mas você,pode brilhar o ano todo e não só os onze meses, como delas.brilhe com um sorriso,um abraço,um olhar,quem sabe uma mensagem,com certeza seu brilho não vai ter aquele brilho aparente,mas será sim permanente,para aquele que você fez a diferença.
O brilho do qual falo,é uma energia renovadora,com efeitos especiais,para quem dar e recebe,enfim,faça algo de especial,seja diferente,seja uma estrela o ano todo.   

Ass.  Maninho.