quarta-feira, 12 de março de 2014

RETROVISOR IMAGINÁRIO

Certa vez um homem pediu a Deus que nem que fosse em sonho,ele mostrasse uma maneira que ele corrigisse seus erros.Ao dormir sua esposa passando um pouco de hidratante em suas mãos ressecadas,fez uma brincadeira,retirou a aliança da mão esquerda e deixou um pequeno bilhete,olhe sua mão esquerda.pela manhã ao acordar,viu o bilhete,e quando olhou para a mão levou um tremendo susto,não por falta da aliança,mas sim,porque viu em sua mão um espelho e nele muitas imagens de sua vida,como se ele fosse um motorista que olha no retrovisor,para fazer uma ultrapassagem,ele viu as muitas que ele fez de forma imprudente,sem usar o tempo certo,perdido em estradas sem sinalizações e sem retornos,e ignorando a um passageiro chamado tempo,brincando com amores  e sentimentos,desconhecendo valores,e se contaminando com o egoísmo e a aventura, imagens e mais imagens que o entristeceu,e quando chorava,talvez não de arrependido,e sim de vergonha,ouviu alguém falar,eu lhe ouvi e lhe atendi,ainda há tempo.       Ass.  Maninho.                                       
Postar um comentário